, ,

Tinta permanente e sem amônia

16 de dez de 2010

Tinta Permanente sem Amônia?

 

Até que enfim chegou o momento em que as tintas permanentes já não fazem tanto mal às madeixas!

Quem pinta os cabelos sabe como a amônia é incômoda: coceira, cheiro forte e ressecamento dos cabelos.

A amônia é uma substância que abre a fibra do cabelo para a entrada do corante. Ela incha a cutícula para o corante penetrar, e isso danifica o fio. Além disso, está entre os principais causadores de alergia entre os cosméticos.

Inoa L’Oréal

Tinta Permanente sem Amônia?

A L’Oréal acaba de lançar no Brasil uma linha de tinturas permanentes livre de amônia. A linha se chama Inoa(inovação sem amônia). Nessa fórmula, o que substitui a amônia é uma mistura de óleos minerais e monoetanolamina — substância já usada em totalizantes, mas em menor concentração.

O óleo gel apenas desequilibra o pH e abre levemente a cutícula. O cabelo não perde tanto lipídeo e a cutícula fica preservada. Otimiza a eficácia do sistema de coloração enquanto fornece 2x mais proteção natural ao cabelo se comparada a uma coloração tradicional permanente.

Vantagens da Inoa

  • Diminui o risco de alergias e irritações.
  • Sem perfume.
  • Respeita os lipídios e aminoácidos essenciais para o cabelo e não altera a fibra capilar.
  • Garante cobertura 100% dos cabelos brancos.
  • Agride menos o cabelo, deixando-o mais hidratado e brilhoso.
  • Colore sem danificar os fios.

O produto já é sucesso nos Estados Unidos e na Europa e deve chegar ao Brasil em outubro. O preço ainda não foi informado, mas será um pouco mais alto que o normal. Por enquanto, está disponível apenas em alguns salões. Serão mais de 40 opções em 8 famílias de cores e até 3 tons de clareamento.

Essa novidade vai mudar a relação dos profissionais com o mundo das tintas. O trabalho se torna um momento livre de inconveniências, agradável aos sentidos. A apresentação do produto dá uma mãozinha com acessórios que facilitam a tarefa de dosar pigmento, oxidante e ODS.

 

Muito bom para ser verdade? O que você acha?

Veja também

0 comentários

Participe do blog deixando o seu comentário!