, , ,

Dicas: Como diminuir os sintomas da TPM

22 de dez de 2010

“Aposto que você está naqueles dias”. Você já escutou essa frase ao demonstrar irritação com pessoas ao seu redor? Saiba que você não está sozinha. A TPM atinge 80% das mulheres no mundo.

 

E o período que antecede a menstruação pode se transformar em um verdadeiro inferno, podendo afetar negativamente seu comportamento, relacionamentos pessoais, afetivos e profissionais.

 

Existem diversas hipóteses para a causa da Síndrome Pré-Menstrual, mais conhecida como TPM. Porém, a mais comum ocorre durante o ciclo menstrual, podendo interferir no sistema nervoso central. “Ou seja, alterações no estrogênio e na progesterona poderiam afetar os neurotransmissores, como a serotonina, e também as substâncias naturais ligadas à sensação de prazer, como a endorfina. O resultado seria um desequilíbrio emocional”, explica Artur Dzik, ginecologista.

 

Apesar de atingir a maioria das mulheres, a TPM se mostra diferente a cada caso. Segundo o ginecologista, são quatro as alterações mais comuns. “A primeira é a retenção de sódio e água, que causa inchaço e ganho de peso. A segunda está relacionada a mudanças no sistema nervoso central, resultando em mau humor e irritabilidade. A terceira é a presença de cólicas uterinas, cefaleias e outras dores. Por fim, as alterações endócrinas, como o descontrole hormonal”, cita Dzik.

 

O ginecologista Artur Dzik, dá algumas dicas sobre os alimentos de devem ser ingeridos e os que devem ser evitados durante esse período.

 

Fatores ambientais, como a alimentação, podem influenciar o aumento dos sintomas, por isso, recomenda-se evitar alimentos como chocolate, café, refrigerantes e álcool.

 

A deficiência de vitamina B6 e magnésio e o desequilíbrio de cálcio e magnésio também estão relacionados com a presença dos sintomas, que variam largamente de mulher para mulher, assim como a sua intensidade.

 

Desde a depressão, pensamentos negativos, ansiedade, tensão, nervosismo, raiva ou irritabilidade, dificuldade de concentração, alteração do apetite, cansaço, distúrbios do sono, retenção hídrica, cólicas, dor de cabeça e sensibilidade mamária aumentada.

 

Como amenizar os sintomas da tensão pré-menstrual através da alimentação:

 

  • Ingerir sempre alimentos ricos em cálcio, como leite e seus derivados: queijos, iogurtes, leites fermentados etc.;
  •  

  • Consumir alimentos ricos em magnésio, como leguminosas (feijão, soja, lentilha e ervilha), vegetais de folha verde escura (agrião, espinafre, rúcula entre outros), nozes e grãos de cereais integrais (aveia, granola, arroz, farinha de trigo integral, entre outros);
  •  

  • Não fumar;
  •  

  • Fazer exercícios regularmente;
  •  

  • Fracionar as refeições para que haja uma melhor digestão e metabolismo dos alimentos;
  •  

  • Fazer refeições leves com frutas; cereais como massas e pães; hortaliças; carne branca e leguminosas.
  •  

  • Evitar alimentos gordurosos.
  •  

     Fonte: Milena Lima
    Nutricionista - CRN-3 14. 100

    Veja também

    0 comentários

    Participe do blog deixando o seu comentário!