, ,

Dicas de tênis para corrida

7 de ago de 2011

Como-Escolher-Tênis-de-Corrida

Para escolher o tênis de corrida ideal, primeiro é preciso conhecer os tipos existentes e suas respectivas funcionalidades. Em geral, os tênis de corrida são agrupados em cindo categorias: estabilidade (stability), controle de movimento (motion control), amortecimento (cushion), perfomenace (performance ou lightweight) e trilha (trail). Critério utilizado pela Runner’s World, o mais prestigiado guia de corridas do mundo, que é seguido pela maioria das empresas do seguimento. grande parte da indústria.

 

Na hora de comprar o tênis certo para correr, deve-se levar em consideração as seguintes recomendações:

- Parte do pé em que pisa:

Os corredores pisam primeiramente ou com o calcanhar (rearfoot striker), ou com a parte frontal do pé (forefoot striker), ou no meio do pé (midfoot striker). Para cada estilo de corrida há uma pressão maior em determinada área do tênis que necessitará de maior amortecimento. Anteriormente pensava quem quem pisa primeiro com calcanhar teriam esta zona como a de maior impacto. Entretanto, testes feitos na Pennsylvania State University constatou-se que a força aplicada na parte frontal do pé, ao tirá-lo do chão, superava em muito a do impacto ao pisar no calcanhar.Sendo assim, pisando primeiro com o calcanhar ou com a parte frontal do pé, é necessário procurar um tênis com bom sistema de amortecimento do calcanhar à ponta do pé.


- Preste atenção também para o fato de que muito amortecimento compromete a capacidade do tênis de estabilizar o alinhamento e movimentos das articulações dos pés e pernas.

 

- Grau de Pronação:

Pronação é quando o corredor pisa com a parte de fora do pé, e então o rola para dentro absorvendo o impacto. Esta característica é fortemente determinada pelo tipo de pé como você pode ver no item abaixo.

 

- Tipo de arco do pé:

Existem diferentes tipos de pés, que também merecem atenção e devem ser valorizados no momento de escolha dos tênis ideais para correr, pois cada um pede um sapato diferente. Para verificar que tipo de pé você tem, realize um teste simples molhando o pé e então ficando sobre um papel aonde deixará a sua pegada. Compare com os tipos abaixo e veja com qual a sua pegada mais se parece:

 

Pé normal:

Tem um arco normal e deixa uma pegada que mostra o calcanhar e a parte frontal do pé ligadas por um faixa larga. Um pé normal tem um grau leve de pronação para absorver o impacto. Tênis recomendado : de moderada estabilidade como aqueles com o meio da sola em duas-densidades com solado semi-curvo. Categorias de tênis recomendadas: Estabilidade ou Amortecimento.

 

- Pé chato:

Tem um arco baixo e deixa quase toda a marca do pé na pegada. Tendem a ter um grau excessivo de pronação que pode levar a vários tipos de lesões.


Tênis recomendado : de estabilidade ou controle de movimento para reduzir o grau de pronação. Solado plano ou semi-curvo. Categorias de tênis recomendadas: Controle de movimento ou Estabilidade

 

- Pé com arco elevado :


Deixam uma pegada com uma conexão estreita entre o calcanhar e a parte frontal do pé. Geralmente não tem um grau de pronação suficiente para absorção de impacto efetiva. Tênis recomendado : de amortecimento com boa flexibilidade e solado curvo para promover o movimento do pé. Categoria de tênis recomendada: Amortecimento.

 

Os formatos do pé variam não só em comprimento mas também em largura e forma. Da mesma forma, há vários formatos de tênis (mais largos na parte lateral, largos na parte frontal, etc). Como o corredor vai passar várias horas por semanas usando o tênis de corrida, este tem que ser confortável e gostoso de usar. A melhor forma de verificar isto é testando o tênis na hora da compra andando e dando um ligeiro trote.

 

- Peso do corredor:

Tênis de corredores pesados tendem a durar menos. Desta forma, estes corredores devem procurar os tênis mais duráveis da categoria indicada para o seu estilo de corrida (controle-de-movimento, estabilidade, amortecimento, etc). Corredores grandes, devem optar por tênis com sola de poliuretano (mais pesado, mas resistente) em vez de EVA

Veja também

0 comentários

Participe do blog deixando o seu comentário!