, , ,

Dicas: Como armazenar e limpar as bolsas

6 de ago de 2013

Imagem40

Qual mulher é capaz de viver sem uma bolsa ou sem muitas delas? As maníacas por bolsas geralmente são as mesmas atingidas pela síndrome da centopeia. Parece até que é preciso ter uma coleção para combinar com todos os estilos de roupa expostos no armário, algumas acreditam que sim! A grande variedade de formatos, cores e tamanhos existentes alucinam a mulherada, fazendo com que as bolsas se acumulem em montes no armário.

Mas o fato é aonde e como guardar todas elas sem que estraguem ou mofem, pois quanto maior a quantidade, mais difícil será a tarefa de conseguir um espaço adequado. As bolsas além de uma paixão mundial, também são grandes parceiras no dia a dia, já que é lá dentro que a gente carrega a nossa vida. E nada mais justo do que um local especial para acomodá-las e assim, evitar danos, manchas, deformações e deteriorações dos materiais. O primeiro passo é pensar em um lugar arejado, depois limpe com um pano úmido e vinagre para evitar o aparecimento de mofo.

bolsas-em-prateleiras1

Limpe a sua bolsa

Quando estamos na rua o ela fica exposta a todo tipo de sujeira, por isso é sempre bom limpar antes de guardar a bolsa. É nessa hora também que os restos mortais de comidas, biscoitos, chicletes e papéis podem ser retirados para evitar o acúmulo de resíduos e a formação de manchas no forro da bolsa.

Na hora de higienizar use sempre um pano úmido com uma pequena quantidade de sabão neutro ou detergente líquido. Nada daqueles produtos químicos para fazer a limpeza dos materiais, pois eles tiram todo o brilho, ressecam e acabam causando o efeito contrário. Se for preciso lavar as bolsas em tecido, não deixe de molho e muito menos coloque na máquina. Após a lavagem sempre deixe secar na sombra e por completo. Bolsas com paetês, lantejoulas, glitter e texturas mais ásperas podem ser higienizadas com o auxilio de uma escova de cerdas macias com movimentos leves.

Peças em metais merecem cuidados especiais, assim como bordados, aplicações e tudo que pode ser considerado frágil. Detalhes metalizados e zíper podem ficar brilhantes quando limpos com flanela e produto específico para este fim.

Cuide bem do que você tem

Como dito antes, não adianta uma quantidade enorme se não guardá-las da maneira correta, pois assim elas ficam velhas e amassadas. Se você é do time das maníacas e tem um estoque enorme, a dica é preencher o interior da bolsa com plástico bolha, papel comum ou revista para dar corpo, dessa forma elas não formam “linhas de expressão”.

A melhor forma de guardar as bolsas e proteger ao mesmo tempo é utilizando sacos de algodão, TNT ou feltro. Esses materiais são mais indicados porque permitem a entrada do ar, as verões que têm uma parte transparente para identificar melhor a peça, são ainda melhores. No caso das bolsas em couro é mais que recomendado não guardar em sacos plásticos a fim de evitar manchas futuras por conta do ressecamento. Na hora de guardar, coloque-as em pé, formando uma fila uma ao lado da outra. Se você não tem muito espaço em casa os ganchos podem ajudar a resolver este problema. Pendure-as nas parede ou nas portas do guarda-roupas.

20130312-095107

Fonte: Patricinha Esperta

Veja também

0 comentários

Participe do blog deixando o seu comentário!